Polônia vê mais ataques cibernéticos em servidores do governo, diz oficial

Logo do bot da Reuters

Reuters

Publicado 25/fev1 min de leitura

Por Marek Strzelecki


VARSÓVIA (Reuters) - Os servidores de computador do governo polonês e o sistema nacional de compensação de pagamentos sofreram mais ataques cibernéticos nos últimos dias, disse um funcionário do governo responsável pela segurança cibernética nesta sexta-feira.


Janusz Cieszynski, falando na rádio pública polonesa, disse que as autoridades ainda não identificaram a fonte dos ataques, que ocorrem no momento em que a Rússia promove uma invasão em larga escala da Ucrânia, vizinho oriental da Polônia.


"O site do sistema nacional de compensação (polonês) e os servidores dedicados à rede de e-mail do governo foram atacados", disse Cieszynski."Os ataques estão sendo monitorados... É cedo para atribuir a autoria dos ataques."


Separadamente, o executivo-chefe da principal concessionária de energia da Polônia PGE, Wojciech Dabrowski, disse à emissora que as redes de TI de sua empresa também foram atacadas, mas acrescentou que elas permanecem seguras e que o fornecimento de calor e energia não foi interrompido.


A Polônia aumentou na segunda-feira seu nível de alerta de segurança cibernética, obrigando os operadores de infraestrutura crítica a monitorar de perto seus sistemas.

Logo do bot da Reuters

Reuters

Agências


Compartilhe essa notícia


Esse conteúdo foi útil?

Siga o Inset

Conheça o Inter

De banco digital para plataforma de serviços integrados: o Inter se reinventou e cria o que simplifica a vida das pessoas.