Inset Indica: mudança louca e divertida com Moving Out

Denner Perazzo

Publicado 20/mai5 min de leitura

Resumo

Junte seus amigos e trabalhem para uma louca empresa de mudanças, na qual não quebrar nada é um detalhe

Confira nosso vídeo sobre Moving Out!

Fazer mudança é uma das coisas que as pessoas mais gostam na vida, né? Só que não! Por ter que organizar tudo, evitando que objetos sumam ou que quebrem, além de arranjar um jeito de carregar todas as coisas de um lugar para outra, faz com que, na maioria das vezes, a mudança seja uma dor de cabeça e você a quebre para tudo sair nos conformes. Mas não em Moving Out.

Em Moving Out, o que vai quebrar não será sua cabeça. No jogo, você vai se juntar com seus amigos, trabalhando em uma empresa de mudança, e mover as mais diversas coisas para dentro de um caminhão. De forma desorganizada, isso posso garantir. Sofás em forma de L, mesas, cadeiras, girafas (risos), e os mais variados objetos que você não pode imaginar, serão transportados (ou só jogados mesmo) nessa divertida jogatina co-op.

Sendo assim, aqui está o review do Inset Indica desta semana sobre Moving Out.

moving out
Foto: Iara Ferreira/Inset

Jogabilidade

Aqueles que jogaram a série de jogos Overcooked, que é publicada pelo mesmo desenvolvedor, a Team17, acharão o estilo caricatural de Moving Out familiar. Mas ao contrário de Overcooked 2, Moving Out não possui um modo multiplayer on-line. Embora Moving Out possa ser jogado sozinho, não é exatamente a mesma coisa. Por um lado, não há ninguém para culpar quando você falha em um nível.

No game, os jogadores assumem o papel de transportadores em uma empresa de mudanças, com cada rodada exigindo que os jogadores carreguem itens de uma casa para um caminhão estacionado do lado de fora. Até quatro jogadores podem participar e devem trabalhar juntos para mover uma quantidade definida de itens o mais rápido que puderem, evitando obstáculos ao longo do caminho.

O jogo é feito para até quatro pessoas, mas também foi projetado para jogar sozinho, se você quiser. Embora jogar sozinho seja bom, a melhor maneira de encarar Moving Out é com mais pessoas, já que existem alguns estágios em que você precisa trabalhar em equipe para carregar coisas para o caminhão. Existem cerca de 50 estágios, alguns dos quais apresentam ambientes bizarros, que você descobrirá à medida que avança no jogo.

Enquanto caixas e cadeiras podem ser movidas por um único jogador, camas e sofás maiores exigem que dois jogadores coordenem seus movimentos e manobrem os móveis através de portas estreitas e corredores apertados, por exemplo. Os móveis, que incluem sofás em forma de L e bichos de pelúcia gigantes, são feitos sob medida para frustrar as mudanças.

Os jogadores podem acelerar as coisas jogando os móveis pela janela ou atravessando obstáculos, como um lago. Também é mais eficiente jogar objetos no caminhão em movimento do que empilhá-los ordenadamente.

Enquanto o jogo começa de uma maneira bastante mundana, ele apresenta desafios cada vez mais traiçoeiros, de fantasmas a lança-chamas. Os locais também mudam da pequena cidade de Packmore para locais mais distantes e absurdos, tipo um avião (?).

Os níveis são distintos, cada um com vários objetivos ocultos que só são revelados após a primeira jogatina. A cooperação é realmente necessária em algumas fases do jogo. Embora não haja limite de tempo, você precisa se mover rápido se quiser uma nota melhor ao terminar cada nível (bronze, prata ou ouro). Embora você possa jogar no seu próprio ritmo, descobri que tentar o melhor tempo possível é muito divertido, embora um pouco frustrante.

moving out
Foto: Epic Games/Reprodução

Ao tentar conquistar o ouro, as rodadas de Moving Out podem ficar caóticas, especialmente quando todos estão tentando trabalhar juntos sob pressão do tempo. Nessas situações, Moving Out lembra Overcooked.

O que é divertido também é que você pode dar um tapa no seu companheiro de equipe (dentro do jogo, por favor, pelo amor de Deus), e isso causará um pequeno choque e ele não se moverá por alguns segundos. Você pode fazer isso se, por acaso, seu companheiro de equipe chegar primeiro ao objeto que você deseja mover. Além da acessibilidade do jogo, há um modo de assistência que você pode alternar quando quiser. O modo de assistência reduz a dificuldade e o peso dos objetos será mais leve. Você pode até pular alguns níveis que são mais difíceis.

Moving Out vai um pouco além de sua premissa principal com uma infinidade de objetivos adicionais. Você pode acidentalmente completar um por não quebrar nada ou evitar um perigo específico. Mas alguns deles exigem o uso de um determinado item ou peça de mobília de uma forma interessante. Por exemplo, usando o snowboard, você deve usá-lo para deslizar por uma colina de neve, enquanto move um objeto.

Completar um desses objetivos lhe dará um token. Ganhar tokens suficientes desbloqueará desafios no arcade. Estes são obviamente completamente opcionais. Mas esses desafios e objetivos extras adicionam um fator de replayability para aqueles que procuram testar suas habilidades.

Falando sobre a animação, você vai amar o estilo pastelão, estilo Looney Tunes de obstáculos e animações. Por exemplo, pisar na ponta larga de um ancinho de jardim arremessa a alça em direção ao rosto do seu personagem (um verdadeiro clássico), e você pode realmente ver o plugue de uma geladeira ou TV sendo puxado quando você o move, ficando perfeito com efeitos sonoros. Na verdade, é tudo bastante infantil do ponto de vista do espectador, mas se isso não é divertido, eu sou Fiat Mille 97.

É imensamente divertido ver todas as palhaçadas acontecendo em cada missão. Você pode ter dois jogadores tentando empurrar um sofá pela porta (e talvez destruindo a porta no processo) enquanto o outro joga vasos de flores e TVs pela janela.

moving out
Foto: Epic Games/Reprodução

Conclusão

Se você gosta de jogos cooperativos, como Overcooked, Moving Out é obrigatório na sua coleção. A jogatina é definitivamente divertida, além de ser acessível o suficiente para que você possa jogar com seus irmãos, pais ou amigos, mesmo que eles não sejam jogadores experientes. Mesmo que possa dar nos nervos (especialmente se você e sua equipe não estiverem na mesma página), Moving Out ainda é divertido.

O jogo oferece uma mistura igual de diversão e frustração. Quando as coisas se encaixam, pode ser divertido de uma maneira histérica. Mas esteja preparado para que seus relacionamentos com outros jogadores sejam testados ao falhar constantemente em um nível.

Sua potente combinação de humor sarcástico, comédia pastelão e ação rápida já faz valer a pena para quem gosta de games do tipo. Jogue Moving Out!

Denner Perazzo

Repórter


Compartilhe essa notícia


Esse conteúdo foi útil?

Siga o Inset

Conheça o Inter

De banco digital para plataforma de serviços integrados: o Inter se reinventou e cria o que simplifica a vida das pessoas.