Petrobras recolheu mais de R$ 200 bilhões em tributos no ano de 2021, diz diretor

Estadão Conteúdo

Publicado 24/fev1 min de leitura
O diretor Financeiro da Petrobras, Rodrigo Araújo, informou no resultado da empresa em 2021, arquivado nesta quarta-feira, 23, na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que a estatal recolheu mais de R$ 200 bilhões em tributos para o governo, que somado aos dividendos totaliza cerca de R$ 230 bilhões em retorno para a sociedade, sem considerar o dividendo adicional anunciado nesta quarta-feira.

"Tanto pela perspectiva operacional e econômico-financeira,quanto pela estratégica, temos hoje uma companhia muito mais sólida e resiliente e que foi capaz de evidenciar que a gestão racional e eficiente gera valor para a sociedade e seus acionistas", disse no documento.

A Petrobras vem sofrendo pressão por conta do preço dos combustíveis, mas a diretoria tem argumentado que o pagamento de tributos e dividendos para a União são revertidos em benefícios para a sociedade, e que para isso precisa manter os preços alinhados aos praticados no mercado internacional.

No mesmo documento, o presidente da Petrobras, general Joaquim Silva e Luna, afirmou que o resultado de 2021 mostra que uma empresa saudável e comprometida com a sociedade "é capaz de crescer, investir, gerar empregos, pagar tributos e retornar dinheiro aos seus acionistas", disse Luna.

Estadão Conteúdo

Agências


Compartilhe essa notícia


Esse conteúdo foi útil?

Siga o Inset

Conheça o Inter

De banco digital para plataforma de serviços integrados: o Inter se reinventou e cria o que simplifica a vida das pessoas.