UE abre consultas na OMC contra restrições da Rússia à exportação de madeira

Estadão Conteúdo

Publicado 21/jan1 min de leitura
A União Europeia abriu consultas com a Rússia na Organização Mundial de Comércio (OMC) para questionar restrições impostas por Moscou à exportação de produtos de madeira russa. As travas consistem em tarifas mais elevadas sobre certos produtos com madeira e em uma "redução drástica" do número de postos fronteiriços pelos quais esses itens podem cruzar suas fronteiras, segundo a UE.

A atitude russa prejudica muito a indústria de processamento de madeira europeu, que depende das exportações da Rússia, e cria grande incerteza no mercado de madeira global, diz o bloco em comunicado.

A UE tem tentado tratar do tema desde que Moscou anunciou as mudanças, em outubro de 2022, sem sucesso, e elas entraram em vigor em janeiro deste ano, explica ainda o texto.

A União Europeia diz questionar o aumento de tarifas para certos itens com madeira, bem acima do imposto até então, e a redução no número de passagens fronteiriças para eles, de 30 para apenas um.

O bloco lembra que a abertura de consultas requisitadas é o primeiro passo para uma potencial disputa na OMC sobre o tema. Caso não exista uma solução satisfatória, a UE "pode pedir à OMC para estabelecer um painel a fim de decidir sobre o assunto", comenta o bloco.

Estadão Conteúdo

Agências


Compartilhe essa notícia


Esse conteúdo foi útil?

Siga o Inset

Conheça o Inter

De banco digital para plataforma de serviços integrados: o Inter se reinventou e cria o que simplifica a vida das pessoas.