Taxas futuras de juros ficam estáveis antes de Campos Neto e leilão do Tesouro

Estadão Conteúdo

Publicado 26/abr1 min de leitura
Os juros futuros operam estáveis em manhã de petróleo e dólar em alta, mas com juros dos Treasuries em baixa, e após o Boletim Focus trazer aumento das expectativas para IPCA de 2022 a 2024. Antes do leilão do Tesouro de NTN-B e LFT (11h00), o mercado monitora o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, em sessão solene no Congresso marcada para as 10h desta terça-feira, 26.

A partir desta quarta-feira, 27, os membros do Banco Central entram em período de silêncio até a quarta-feira da próxima semana, dia 4, quando o Comitê de Política Monetária (Copom) anuncia sua decisão de política monetária.

Às 9h27 desta terça, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2023 marcava 12,960%, de 12,953% no ajuste de segunda-feira. O DI para janeiro de 2024 estava em 12,58%, de 12,57%, e o para janeiro de 2025 operava estável a 11,99%. O DI para janeiro de 2027 marcava 11,80%, de 11,81% no ajuste anterior.

Estadão Conteúdo

Agências


Compartilhe essa notícia


Esse conteúdo foi útil?

Siga o Inset

Conheça o Inter

De banco digital para plataforma de serviços integrados: o Inter se reinventou e cria o que simplifica a vida das pessoas.