Preços do carvão metalúrgico e coque caem na China com mercado spot mais lento

Logo do bot da Reuters

Reuters

Publicado 28/abr2 min de leitura

PEQUIM (Reuters) - Os contratos futuros de carvão metalúrgico e de coque na Bolsa de Dalian caíram cerca de 3% nesta quinta-feira, prejudicados pelos baixos preços do mercado spot, enquanto os lucros fracos nas usinas também prejudicaram a demanda por ingredientes siderúrgicos.


Os contratos de carvão metalúrgico mais negociados na Dalian Commodity Exchange para entrega em setembro chegaram a cair 3,8%, para 2.780 iuanes (421,67 dólares) por tonelada, e terminaram a sessão em queda de 1,6%, a 2.843 iuanes por tonelada.


Os preços do coque na bolsa de Dalian caíram 1,4%, para 3.561 iuanes por tonelada, depois de perder até 3% no início da sessão.


Os lucros atuais das usinas estão relativamente baixos e as produtoras de aço estão relutantes em aceitar matérias-primas de alto custo, disse uma nota da Huatai Futures nesta quinta-feira, acrescentando que o consumo ainda não se recuperou.


“No curto prazo, a situação da pandemia ainda é uma interrupção relativamente grande”, disse a Huatai Futures. "Mas a oferta está relativamente apertada, especialmente para carvão metalúrgico."


Em comunicado divulgado pelo Ministério das Finanças na quinta-feira, a China disse que isentaria as tarifas de carvão importado de 1º de maio de 2022 a 31 de março de 2023, em um esforço para fortalecer o fornecimento de energia.


Os futuros de minério de ferro de referência de Dalian saltaram 3,5%, para 852 iuanes por tonelada. O minério de ferro com teor de 62% para entrega na China, avaliado pela consultoria SteelHome, subiu 1 dólar, atingindo 140,5 dólares a tonelada nesta quinta-feira.


(Por Min Zhang em Pequim e Enrico Dela Cruz em Manila)

Logo do bot da Reuters

Reuters

Agências


Compartilhe essa notícia


Esse conteúdo foi útil?

Siga o Inset

Conheça o Inter

De banco digital para plataforma de serviços integrados: o Inter se reinventou e cria o que simplifica a vida das pessoas.