Pacheco diz querer dar solução definitiva a precatórios na próxima semana

Estadão Conteúdo

Publicado 16/set1 min de leitura
O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), disse esperar uma solução definitiva para o pagamento de precatórios na próxima semana. O governo defende um parcelamento nessa despesa para abrir espaço ao Auxílio Brasil, substituto do Bolsa Família.

"Eu acredito que para breve, vamos nos debruçar na próxima semana para dar uma solução definitiva a essa questão dos precatórios. Isso é fundamental que aconteça no Brasil, até para que a gente possa enfrentar outros problemas. Problema é que não falta", disse Pacheco ao chegar ao Senado na manhã desta quinta-feira.

Para o presidente do Senado, é preciso conciliar o pagamento de precatórios, o novo programa social e o teto de gastos, com atenção "especial", de acordo com ele, para a ajuda aos mais necessitados.

Pacheco sinalizou que o ambiente adequado seria uma solução via Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Os ataques do presidente Jair Bolsonaro ao Judiciário, porém, diminuíram a chance desse acordo, conforme o Broadcast Político (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) antecipou.

Pacheco citou a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) encaminhada pelo governo para alterar o teto de gastos e parcelar os precatórios.

Ele pontuou que essa e outras alternativas serão avaliadas. Nesta semana, o presidente do Senado criou um grupo de trabalho na Casa para avaliar as opções.

Estadão Conteúdo

Agências


Compartilhe essa notícia


Esse conteúdo foi útil?

Siga o Inset

Conheça o Inter

De banco digital para plataforma de serviços integrados: o Inter se reinventou e cria o que simplifica a vida das pessoas.