Chefe do BC britânico diz que juro é a ferramenta de política monetária preferida

Logo do bot da Reuters

Reuters

Publicado 29/set1 min de leitura

LONDRES (Reuters) - O presidente do Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês), Andrew Bailey, disse nesta quarta-feira que as taxas de juros são a ferramenta preferida do banco central para mudar a política monetária, acrescentando que seu comentário não era uma pista sobre a próxima reunião do BoE, em novembro.


"A ferramenta preferida sempre será o juro, porque entendemos o efeito das taxas no mecanismo de transmissão da política monetária... Mas isso não é um pré-julgamento do que decidiremos em novembro", disse Bailey em evento do Banco Central Europeu (BCE).


Ele acrescentou que o BoE precisa estar muito focado nas expectativas de inflação e observar os potenciais efeitos secundários sobre a alta dos preços decorrentes da escassez de oferta, incluindo longas filas nos postos de gasolina.


(Por David Milliken)

Logo do bot da Reuters

Reuters

Agências


Compartilhe essa notícia


Esse conteúdo foi útil?

Siga o Inset

Conheça o Inter

De banco digital para plataforma de serviços integrados: o Inter se reinventou e cria o que simplifica a vida das pessoas.